Do diagnostico às questoes avaliativas: um caminho possivel via pratica de avaliação em educação a distância

Angela Carrancho da Silva, Christina Marilia Teixeira da Silva

Resumo


O artigo apresenta resultados parciais de uma avaliação diagnostica da Educação Superior a Distância no Pais. Esse estudo foi desenvolvido na disciplina Pratica de Avaliação oferecida no Mestrado Profissional em Avaliação da Fundação Cesgranrio. A partir do levantamento do estado da arte da Educação a Distância, foram elaboradas questoes avaliativas que servirao de fio condutor a futuras práticas avaliativas do Curso.


Palavras-chave


Avaliação; Educação a distância; Pratica de avaliação; Mestrado Profissional em Avaliação

Referências


BRASIL. Lei nº. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educacao Nacional. Diario Oficial [da República Federativa do Brasil], Brasilia, DF, 23 dez. 1996. Disponivel em: . Acesso em: jun. 2008.

CAPES. Novos polos da UAB contribuirao para a formacao de professores. Sala de Imprensa, Brasilia, DF, 12 maio 2008a. Disponivel em: . Acesso em: 22 jun. 2009.

______. Sobre a UAB: historico. Brasilia, DF, 2008b. Disponivel em:. Acesso em: jun. 2008.

CHIANCA, T. K.; MARINO, E.; SCHIESARI, L. Avaliando programas sociais: conceitos, principios e praticas. In: ______. (Org.). Desenvolvendo a cultura de avaliacao em organizacoes da sociedade civil. Sao Paulo: Global, 2001.

CRONBACH, L. J.; SHAPIRO, K. Designing evaluations of educational and social programs. San Francisco: Jossey-Bass, 1982.

FUNDACAO CECIERJ; CEDERJ. Fundacao Centro de Ciencias e Educacao Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, 2008. Disponivel em: . Acesso em: jun. 2008.

IBGE. Contagem da populacao 2007. Rio de Janeiro, 2008. Disponivel em: . Acesso em: 24 nov. 2008.

IBSTPI. Evaluator competencies. State College, PA, 2006. Disponivel em: . Acesso em: 17 jun. 2008.

INEP. Indice de desenvolvimento da educacao basica. Brasilia, DF, 2008. Disponivel em: . Acesso em: 21 jun. 2008.

LAGUARDIA, J.; PORTELA, M. C.; VASCONCELOS, M. M. Avaliacao em ambientes virtuais de aprendizagem. Educacao e Pesquisa, Sao Paulo, v. 33, n. 3, p. 513-30, set./dez. 2007.

OAKES, J. Educational indicators: a guide for policymakers. New Brunswick, NJ: Rutgers University, Center for Policy Research in Education, 1986. (ED 315 920).

PORTAL BRASIL. A sua biblioteca virtual. Brasilia, DF, 2008. Disponivel em:

. Acesso em: 28 jun. 2008.

SHADISH, W.R. Need-based evaluation: What do you need to know to do good evaluation?. American Journal of Evaluation, Thousand Oaks, CA, v.15, n.3, p. 347-358, 1994.

SILVA, A. C.; SILVA, C. M. T. O cenario da educacao superior a distância no Brasil: avaliacao diagnostica da esfera pública: livro 1. Rio de Janeiro: Fundacao Cesgranrio, 2008.

SILVA, C. M. T.; SILVA, A. C. O desafio da aprendizagem em ambientes virtuais: da possivel mudanca à provavel repeticao de modelos. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE EDUCACAO A DISTÂNCIA: educacao a distância e cidadania: um caminho para a justica social, 12., 2008, Rio de Janeiro. Trabalhos apresentados... Rio de Janeiro: CREAD, 2008. Disponivel em: . Acesso em: out. 2008.

STAKE, R. E. Program evaluation, particularly responsive evaluation. Kalamazoo: Western Michigan University Evaluation Center, 1975. (Occasional paper; n. 5).

WORTHEN, B. R.; SANDERS, J. R.; FITZPATRICK, J. L. Program evaluation: alternative approaches and practical guidelines 2. ed. New York: Longman, 1997.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2016 Revista Ensaio: Avaliação e Politicas Públicas em Educação

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

SCImago Journal & Country Rank