Análise quantitativa dos fatores que influenciam a aprovação de disciplinas de cursos de graduação de uma instituição pública de Ensino do Sul do Brasil

Fernando Elemar Vicente dos Anjos, Márcia Helena Borges Notarjacomo, Débora Oliveira da Silva, Rodrigo Dullius

Resumo


Buscar melhorias de índices de formação, êxito e redução de retenção dos estudantes de graduação suportam o desenvolvimento regional. Nosso artigo, por meio de um estudo de caso, tem como objetivo identificar se fatores relacionados a docentes e discentes impactam as taxas de aprovação do curso de graduação em processos de gestão de uma instituição pública de Ensino do sul do Brasil. Na análise quantitativa realizada, percebeu-se que fatores relacionados aos docentes, como formação (apenas graduação, mestrado ou doutorado), tipo de vínculo (permanente ou temporário) e possuir licenciatura com licenciatura, não afetam as taxas de aprovação. No entanto, fatores relacionados aos alunos influenciam a taxa de aprovação, por exemplo, as taxas de frequência em sala de aula e a idade dos alunos influenciam as taxas de aprovação. Os alunos com maior frequência na sala de aula e os alunos com mais de 30 anos têm taxas de aprovação mais elevadas do que os restantes. Este trabalho auxiliou a identificar quais os fatores que impactam negativamente nas taxas de aprovação, por exemplo, que alunos mais jovens e frequência de alunos em sala de aula têm taxas de aprovação mais baixas nas disciplinas.


Palavras-chave


Índices de Aprovação; Aprovação de Alunos; Ensino Superior; Processos de Gestão; Índices de Aprovação de Impacto

Referências


ARAÚJO, A. C. P. L.; MARIANO, F. Z.; OLIVEIRA, C. S. Determinantes acadêmicos da retenção no Ensino Superior. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 29, n. 113, p. 1045-1066, out./dez. 2021. https://doi.org/10.1590/s0104-403620210002902255

BEAUMONT, C.; MOSCROP, C.; CANNING, S. Easing the transition from school to HE: scaffolding the development of self-regulated learning through a dialogic approach to feedback. Journal of Further and Higher Education, [S. l.], v. 40, n. 3, p. 331-350, 2016. https://doi.org/10.1080/0309877X.2014.953460

BETTS, J. R.; ZAU, A C.; RICE, L. A. Determinants of student achievement: new evidence from San Diego. San Francisco: Public Policy Institute of California, 2003. Available from: papers3://publication/uuid/24213F39-8358-4CD0-8CC2-C198059715CE Access: 2022 Feb 15.

BUDDIN, R.; ZAMARRO, G. Teacher qualifications and student achievement in urban elementary schools. Journal of Urban Economics, [s. l.], v. 66, n. 2, p. 103-115, Sep. 2009. https://doi.org/10.1016/j.jue.2009.05.001

CALCAGNO, J. C. et al. Community college student success: What institutional characteristics make a difference? Economics of Education Review, Orlando, v. 27, n. 6, p. 632-645, Dec. 2008. https://doi.org/10.1016/j.econedurev.2007.07.003

CARNEVALE, A. P.; HANSON, A. R.; GULISH, A. Failure to launch: structural shift and the new lost generation. Washington, DC: Georgetown University, 2013.

COMPUTING, R. Foundation for Statistical. R: a language and environment for statistical computing. Vienna: R Foundation, 2021. Available from: https://www.r-project.org/ Access: 2022 Feb 15.

COX MÉNDEZ, L. C. El constructivismo en la reforma de la educación en Chile. Contextos: Estudios de Humanidades y Ciencias Sociales, [s. l.], n. 15, p. 13-24, 2006. Era Méndez

DONOSO-DÍAZ, S.; ITURRIETA, T. N.; TRAVERSO, G. D. Sistemas de Alerta Temprana para estudiantes en riesgo de abandono de la Educación Superior. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 26, n. 100, p. 944-967, jul./set. 2018. https://doi.org/10.1590/s0104-40362018002601494

DRESCH, A.; LACERDA, D. P.; ANTUNES JUNIOR, J. A. V. Design science research. Cham: Springer, 2015. https://doi.org/10.1007/978-3-319-07374-3

FRISON, L. M. B. et al. Higher education students’ paths with unsuccessful trajectories. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 29, n. 112, p. 669-690, Jul./Sep. 2021. https://doi.org/10.1590/S0104-403620210002902747

GOES, L. The link between teacher quality and students outcomes: a research synthesis. Washingoton, DC: The Nacional Compreensive Center for Teacher Quality, 2007. Disponível em: http://www.niusileadscape.org/docs/FINAL_PRODUCTS/LearningCarousel/LinkBetweenTQandStudentOutcomes.pdf Access: 2022 Feb 15.

LinkBetweenTQandStudentOutcomes.pdf

HARRIS, D. N.; SASS, T. R. Teacher training, teacher quality and student achievement. Journal of Public Economics, Amsterdam], v. 95, n. 7-8, p. 798-812, Aug. 2011. https://doi.org/10.1016/j.jpubeco.2010.11.009

KOIVUNIEMI, M. et al. Higher education students’ learning challenges and regulatory skills in different learning situations. Infancia y Aprendizaje, [s. l.], v. 40, n. 1, p. 19-55, 2017.://doi.org/10.1080/02103702.2016.1272874

LEE, Se W.; LEE, E. A. Teacher qualification matters: the association between cumulative teacher qualification and students’ educational attainment. International Journal of Educational Development, [s. l.], v. 77, p. 102218, Sep. 2020. https://doi.org/10.1016/j.ijedudev.2020.102218

LIMA JUNIOR, P. et al. Taxas longitudinais de retenção e evasão: uma metodologia para estudo da trajetória dos estudantes na educação superior. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 27, n. 102, p.157-178, jan./mar. 2019. https://doi.org/10.1590/s0104-40362018002701431

OLIVEIRA, A. K. D.; LUZ, A. R. J. B.; OLIVEIRA, K. K. D. As possibilidades da utilização de técnicas de autorregulação da aprendizagem por alunos de graduação. Brazilian Journal of Development, [s. l.], v. 6, n. 3, p. 10228-10243, 2020. https://doi.org/10.34117/bjdv6n3-050

OLIVEIRA, C. T. et al. Percepções de estudantes universitários sobre a relação professor-aluno. Psicologia Escolar e Educacional, São Paulo, v. 18, n. 2, p. 239-246, 2014. https://doi.org/10.1590/2175-3539/2014/0182739

SÁEZ, F. M. et al. Revisión Sistemática sobre Competencias de Autorregulación del Aprendizaje en Estudiantes Universitarios y Programas Intracurriculares para su Promoción. Formación Universitaria, [s. l.], v. 11, n. 6, p. 83-98, 2018. https://doi.org/10.4067/S0718-50062018000600083

XIE, G.; ZHANG, Y. School of golden touch? A study of school effectiveness in improving student academic performance. The Journal of Chinese Sociology, [s. l.], v. 7, n. 1, p. 7, 2020. https://doi.org/10.1186/s40711-020-00118-7

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 5. ed. Porto Alegre: Bookman, 2015.




DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-40362023003103898

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2024 Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Apoio:




Programa de Apoio às Publicacoes Cientificas (AED) do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e tecnologico (CNPq), Ministerio da Educação (MEC), Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro - FAPERJ.
 

SCImago Journal & Country Rank