Avaliação por diferentes olhares: fatores que explicam o sucesso de escola carioca em area de risco

Douglas Teixeira Cardelli, Ligia Gomes Elliot

Resumo


A proposta ora formulada e um estudo avaliativo das relacoes estabelecidas entre alunos, gestores, comunidade do entorno, familiares, professores e tecnicos pedagogicos, de uma escola pública da regiao metropolitana do Rio de Janeiro. Inserida em uma area de risco, a escola vem apresentando, ao longo dos anos, resultados positivos em suas avaliações, o que se contrapoe a alguns paradigmas de fracasso escolar. No estudo, foram entrevistados alunos, gestores, professores, especialistas pedagogicos da escola, o que permitiu a obtencao de informações necessarias à avaliação do contexto escolar em todas as suas dimensoes para o desenvolvimento de práticas pedagogicas de sucesso. Os resultados da avaliação refletem que o bom desempenho dessa unidade escolar esta associado, de maneira geral, a fatores como: participação da familia e da comunidade na vida escolar, alta expectativa do professor com relação à aprendizagem dos alunos, participação ativa da equipe gestora, atencao dada às atividades realizadas no espaco escolar; realização de trabalho de casa pelos alunos; rede fisica conservada e acolhedora; proposta pedagogica definida com práticas contextualizadas e significativas, utilização de material de apoio pedagogico adequado.

Palavras-chave


Avaliação; Ensino Fundamental; Praticas pedagogicas; Fatores de sucesso escolar

Referências


BECKER, F. da R. AvaliaA§A£o educacional em larga escala: a experiAancia brasileira. Revista Ibero-americana de EducaA§A£o, [S.l.], n. 53/1, 25 jun. 2010.

BRASIL. Lei nº. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educaA§A£o nacional. DiA¡rio Oficial [da] RepAºblica Federativa do Brasil, BrasA­lia,

DF, 23 dez. 1996.

BROOKOVER, W. B. et al. School social systems and students achievement: schools can make a difference. New York: Praeger, 1979.

CARDELLI, D. T. AvaliaA§A£o por diferentes olhares: fatores que explicam o sucesso de escola carioca em A¡rea de risco. 2010. 66f. DissertaA§A£o (Mestrado Profissional em AvaliaA§A£o) – Programa de PA³s-GraduaA§A£o em AvaliaA§A£o, FundaA§A£o Cesgranrio, Rio de Janeiro, 2010.

HILL, P. W.; ROWE, K. J.; JONES, T. SIIS: school improvement information service. Version 1.1. Melbourne: University of Melbourne, Centre for Applied Educational Research, 1995.

HOFFMANN, J. Avaliar: respeitar primeiro, educar depois. Porto Alegre: MediaA§A£o, 2003.

INEP. Resultados: todos podem consultar os resultados da Prova Brasil e Saeb. BrasA­lia, DF, 2009. DisponA­vel em: . Acesso em: 20 set. 2009.

LIBA‚NEO, J. C. DemocratizaA§A£o da escola pAºblica: a pedagogia crA­tico-social dos conteAºdos. SA£o Paulo: EdiA§Aµes Loyola, 1985.

SCHEERENS, J.; BOSKER, R. The foundations of educational effectiveness. New York: Pergamon, 1997.

SCHEERENS, J.; BRUMMELHIUS, A. C. A. Process indicators on the functioning of schools: results from an international survey. New York: Aera Annual Meeting, 1996.

WORTHEN, Blaine R.; SANDERS, James L.; FITZPATRICK, Jody R. AvaliaA§A£o de programas: concepA§Aµes e prA¡ticas. TraduA§A£o Dinah de Abreu Azevedo. SA£o Paulo: Gente, 2004.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2016 Revista Ensaio: Avaliação e Politicas Públicas em Educação

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

SCImago Journal & Country Rank