Avaliação de Mestrados Profissionais: Construção e Analise de Indicadores à Luz da Multidimensionalidade

Roberto Brazileiro Paixao, Adriano Leal Bruni, Joao Luiz Becker, Robinson Moreira Tenorio

Resumo


Um dos principais topicos de discussao acerca dos cursos de mestrado profissional (MP) no Brasil diz respeito à forma de avalia-los. Esta pesquisa buscou analisar possiveis indicadores de impacto de cursos de MP a partir de uma perspectiva multidimensional, baseada em Sander (1995). Para atingir esse objetivo foi realizada uma investigação utilizando a tecnica Delphi em tres rodadas com a participação de Coordenadores de MP, Coordenadores de Area da CAPES e pesquisadores com artigos academicos publicados sobre o tema. A analise das informações coletadas permitiu a obtencao de uma lista de 21 indicadores, que foram examinados à luz das quatro dimensoes de Sander (eficiencia, eficácia, efetividade e relevância). Eficacia e a principal dimensao da maioria dos indicadores.

Palavras-chave


avaliação; impacto; mestrados profissionais

Referências


AGOPYAN, V.; LOBO, R. O futuro do mestrado profissional. Revista Brasileira de PA³s-GraduaA§A£o, BrasA­lia, DF, v. 4, n. 8, p. 293-302, dez. 2007.

BARROS, E. C.; VALENTIM, M. C.; MELO, M. A. A. O debate sobre o mestrado profissional na Capes: trajetA³ria e definiA§Aµes. Revista Brasileira de PA³s-GraduaA§A£o, BrasA­lia, DF, v. 2, n. 4, p. 124-138, jul. 2005.

CASTRO, C. M. A hora do mestrado profissional. Revista Brasileira de PA³s-GraduaA§A£o, BrasA­lia, DF, v. 2, n. 4, p. 16-23, jul. 2005.

DALKEY, N.; HELMER, O. An experimental application of the Delphi method to the use of experts. Management Science, v. 9, n. 3, p. 458-467, abr. 1963.

DEMO, P. AvaliaA§A£o sob o olhar propedAautico. Campinas: Autores Associados, 1996.

FISCHER, T. SeduA§Aµes e riscos: a experiAancia do mestrado profissional. Revista de AdministraA§A£o de Empresas, SA£o Paulo, v. 43, n. 2, p. 119-123, abr./maio/jun. 2003.

FISCHER, T. Mestrado profissional como prA¡tica acadAamica. Revista Brasileira de PA³s-GraduaA§A£o, BrasA­lia,DF, v. 2, n. 4, p. 24-29, jul. 2005.

FISCHER, T. Sobre a maestria, profissionalizaA§A£o e artesanato intelectual. Revista de AdministraA§A£o ContemporA¢nea, Curitiba, v. 14, n. 2, p. 353-359, mar./abr. 2010a.

FISCHER, T. Reimaginar a pA³s-graduaA§A£o: resgatando o elo perdido. Revista de AdministraA§A£o ContemporA¢nea, Curitiba, v. 14, n. 2, p. 372-376, mar./abr. 2010b.

KHANDKER, S. R.; KOOLWAL, G. B. Handbook on impact evaluation: quantitative methods and practice. Washington DC: The World Bank, 2010.

KREBER, C.; BROOK, P. Impact evaluation of educational development programmes. The International Journal for Academic Development, v. 6, n. 2, p. 96-108, 2001.

LEFAˆVRE, F.; LEFAˆVRE, A. M. C. O discurso do sujeito coletivo: um novo enfoque em pesquisa qualitativa (desdobramentos). 2. ed. Caxias do Sul: Educs, 2005.

______. Pesquisa de representaA§A£o social: um enfoque qualiquantitativo. BrasA­lia: LA­ber Editora, 2010.

MARA”CO, J. AnA¡lise estatA­stica com o SPSS Statistics. 5. ed. Lisboa: Editora SA­labo, 2011.

MENANDRO, P. R. M. Mestrado Profissional, vocAa sabe com quem estA¡ falando? Revista de AdministraA§A£o ContemporA¢nea, Curitiba, v. 14, n. 2, p. 367-371, mar./abr. 2010.

MOHR, L. D. Impact analysis for program evaluation. 2. ed. Thousand Oaks: Sage Publications, 1995.

NEGRET, F. A identidade e a importA¢ncia dos mestrados profissionais no Brasil e algumas consideraA§Aµes para sua avaliaA§A£o. Revista Brasileira de PA³s-GraduaA§A£o, BrasA­lia, v. 5, n. 10, p. 217-225, dez. 2008.

OWEN, J. M. Program evaluation: forms and approaches. 3. ed. New York: Guilford publications, 2007.

RIBEIRO, R. J. O mestrado profissional na polA­tica atual da Capes. Revista Brasileira de PA³s-GraduaA§A£o, BrasA­lia, v. 2, n. 4, p. 8-15, jul. 2005.

ROSSI, P. H.; LIPSEY, M. W.; FREEMAN, H. E. Evaluation: a systematic approach. 7. ed. Thousand Oaks: Sage Publications, 2004.

SANDER, B. GestA£o da educaA§A£o na AmA©rica Latina. Campinas: Editora Autores Associados, 1995.

SCHWARTZMAN, S. O contexto institucional e polA­tico da avaliaA§A£o. In: SCHWARTZMAN, S. (Org.). AvaliaA§A£o do ensino superior. SA£o Paulo: Editora da Universidade de SA£o Paulo, 1992.

SKULMOSKI, G. J.; HARTMAN, F. T.; KRAHN, J. The Delphi method for graduate research. Journal of Information Technology Education, v. 6, p. 01-21, 2007.

SMITH, C.; BENO, B. Guide to staff development evaluation. Sacramento: NCSPOD, 1993. DisponA­vel em: . Acesso em: 10 jul. 2010.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2016 Revista Ensaio: Avaliação e Politicas Públicas em Educação

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

SCImago Journal & Country Rank