A cultura de avaliação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS): entre a avaliação externa e a autoavaliação

Nara Maria Emanuelli Magalhães, Claudia Medianeira Cruz Rodrigues

Resumo


Este artigo propõe-se a realizar uma análise da trajetória da avaliação na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), a partir de entrevistas com os gestores que estiveram à frente da Secretaria de Avaliação Institucional (SAI), desde o seu surgimento nos anos 2000 até 2016 (ou seja, quatro gestores). Destacam-se do contexto mais geral de avaliação nacional as iniciativas locais que foram sendo adaptadas para atender às demandas por uma avaliação mais global, passando pelas diferentes gestões e o respectivo foco de sua atuação durante o processo. Procura-se compreender o modo como a UFRGS, ao longo do tempo, vai constituindo uma cultura de avaliação.


Palavras-chave


Avaliação Institucional; Avaliação Externa; Autoavaliação; SINAES

Referências


ALMEIDA, A. N. et al. Effectiveness of public university expansion in Brazil: comparison between the situation of graduated and dropout students. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, 2019. https://doi.org/10.1590/s0104-40362019002701864

ANDRIOLA, W. B.; ARAÚJO, A. C. Uso de indicadores para diagnóstico situacional de Instituições de Ensino Superior. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 26, n. 100, p. 645-663, jul./set. 2018. https://doi.org/10.1590/s0104-40362018002601062

ANDRIOLA, W. B.; OLIVEIRA, K. R. Autoavaliação institucional na Universidade Federal do Ceará (UFC): meio século de história. Avaliação (Campinas), v. 20, n. 2, p. 489-512, jul. 2015. https://doi.org/10.590/S1414-40772015000200011

BRAGA, A.; LEITE, D. Cultura da avaliação. In: MOROSINI, M. C. (Ed.). Enciclopédia de pedagogia universitária: glossário. Brasília, DF: Inep, 2004. Vol. 2, p. 469.

DIAS SOBRINHO, J. A avaliação institucional na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp): considerações teóricas e processo. Educación Superior y Sociedad, Caracas, v. 5, n. 1-2, p. 31-49, 1994.

DIAS SOBRINHO, J. Avaliação da Educação Superior. Rio de Janeiro: Vozes, 2000.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 50. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2011.

GOLDENBERG, M. A arte de pesquisar: como fazer pesquisa qualitativa em ciências sociais. 8. ed. Rio de Janeiro: Record, 2004.

INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA – Inep. Diretoria de Estudos Educacionais. Censo da Educação Superior, 2010-2013. Brasília, DF, 2015.

LEITE, D. B. C. (coord.). Inovação como fator de revitalização do ensinar e do aprender na Universidade: o caso da avaliação institucional: estudo desenvolvido por grupos interinstitucionais de pesquisa. Porto Alegre: Editora da Universidade, 2000.

MAGALHÃES, N. M. E. Eu vi um Brasil na TV: televisão e cultura em perspectivas antropológicas. Santa Maria: Editora da Universidade Federal de Santa Maria, 2008.

QUEIROZ, M. I. P. Relatos orais: do ‘Indizível’ ao ‘Dizível’. In: VON SIMSON, O. M. (Org.). Experimentos com histórias de vida (Itália-Brasil). Rio de Janeiro: Vértice, 1988. p. 14-43.

RISTOFF, D. I. Os desafios da Educação Superior na Ibero-América: inovação, inclusão e qualidade. Avaliação (Campinas), v. 18, n. 3, p. 519-545, nov. 2013. https://doi.org/10.1590/S1414-40772013000300002

RISTOFF, D. I. Universidade em foco: reflexões sobre a Educação Superior. Florianópolis: Insular, 1999.

RODRIGUES, C. M. C. Proposta de avaliação integrada ao planejamento anual: um modelo para as UCGs. 2003. Tese (Doutorado em Engenharia de Produção) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2003.

SANTOS, M. G.; LEITE, D. Rede regionais para acreditação e avaliação da qualidade da Educação Superior. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 27, n. 102, p. 108-128, jan./mar. 2019. https://doi.org/10.1590/s0104-40362018002701357

VASCONCELOS, I. C. O; GOMES, C. A. Pedagogia dialógica para democratizar a Educação Superior. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v. 24, n. 92, p. 579-608, jul./set. 2016. https://doi.org/10.1590/S0104-40362016000300004

VERHINE, R. E.; DANTAS, L. M.V.; SOARES, J. F. Do Provão ao ENADE: uma análise comparativa dos exames nacionais utilizados no Ensino Superior Brasileiro. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v.14, n.52, p. 291-310, jul./set. 2006. https://doi.org/10.1590/S0104-40362006000300002




DOI: http://dx.doi.org/10.1590/s0104-40362020002801814

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 Revista Ensaio: Avaliação e Politicas Públicas em Educação

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.