Empregabilidade do profissional formado nos cursos superiores de tecnologia do CEFET-PR: estudo de caso em medias e grandes empresas da regiao norte do Parana

Eurico Pedroso de Almeida Junior

Resumo


O presente trabalho discute a necessidade das empresas da regiao Norte do Parana, por profissionais formados nos Cursos Superiores de Tecnologia. Trata-se de uma pesquisa exploratoria que, em funcao dos procedimentos tecnicos adotados, pode ser caracterizada como um estudo de caso. O metodo de pesquisa empregado foi o indutivo. Os resultados mostram que ha por parte das empresas a necessidade por profissionais formados nos Cursos Superiores de Tecnologia, na maioria dos casos, ele atua dentro de sua area de formação, e sua convivencia com outros profissionais formados nas areas tecnologicas ocorre normalmente. Concluiu-se que o tecnologo no ambiente produtivo e um profissional necessario e que colabora em varias frentes, principalmente em face às novas tendencias tecnologicas, uma vez que o mesmo recebe conhecimento teorico e pratico e pode contribuir eficazmente tanto com as empresas quanto com a sociedade.

Palavras-chave


Educação profissional; Tecnologo; Mercado de trabalho

Referências


ACIOLI, M. F. C. L. Cursos tecnologicos: emergencia de uma nova regulamentacao. In: CONGRESSO LUSO-AFRO-BRASILEIRO DE CIENCIAS SOCIAIS, 8., 2004, Coimbra. Actas... Coimbra: Centro de Estudos Sociais, 2004. [ Links ]

ALMEIDA JUNIOR, E. P. Empregabilidade do profissional formado nos Cursos Superiores de Tecnologia do CEFET-PR: o caso das medias e grandes empresas da Regiao Norte do Parana. 2005. 138 f. Dissertacao (Mestrado em Engenharia de Producao)-Programa de Pos-Graduacao em Engenharia de Producao, Centro Federal de Educacao Tecnologica do Parana, Ponta Grossa, 2005. [ Links ]

BASTOS, J. A. S. A. Cursos superiores de tecnologia: avaliacao e perspectivas de um modelo de educacao tecnico profissional. Brasilia: SENETE, 1991a. [ Links ]

______. A educacao tecnico-profissional: formacao profissional e impacto tecnologico. Brasilia, DF: SENETE, 1991b. [ Links ]

______. Tecnologia & interacao: a educacao tecnologica: conceitos, caracteristicas e perspectivas. Curitiba: CEFET-PR, 1998. [ Links ]

BRASIL. Decreto nº 5.224, de 1º de outubro de 2004. Dispoe sobre a organizacao dos Centros Federais de Educacao Tecnologica e da outras providencias. Diario Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasilia, DF, 1 out. 2004. Disponivel em: . Acesso em: 16 fev. 2006. [ Links ]

BRASIL. Decreto n º 5.225, de 1º de outubro de 2004. Altera dispositivos do Decreto nº 3.860, de 9 de julho de 2001, que dispoe sobre a organizacao do ensino superior e a avaliacao de cursos e instituicoes, e da outras providencias. Diario Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasilia, DF, 1 out. 2004. Disponivel em: . Acesso em: 16 fev. 2006. [ Links ]

BRASIL. Lei nº. 4.024, de 20 de dezembro de 1961. Fixa as diretrizes e bases da educacao nacional. Diario Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasilia, DF, 27 dez. 1961. P. 11.429. Disponivel em: www.planalto.gov.br/ccivil_03/Leis/L4024.htm. Acesso em: 9 ago. 2007. [ Links ]

BRASIL. Lei nº. 5.540, de 28 de novembro de 1968. Fixa normas de organizacao e funcionamento de ensino superior e sua articulacao com a escola media, e da outras providencias. Diario Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasilia, DF, 29 out. 1968. Disponivel em: . Acesso em: 8 ago. 2007. [ Links ]

BRASIL. Lei nº 6.545, de 4 de junho de 1978. Dispoe sobre a transformacao das Escolas Tecnicas Federais de Minas Gerais, do Parana e Celso Suckow da Fonseca em Centros Federais de Educacao Tecnologica e da outras providencias. Lex: legislacao basica do Centro Federal de Educacao Tecnologica do Parana, Curitiba, 1999. [ Links ]

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educacao nacional. Diario Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasilia, DF, 23 dez. 1996. [ Links ]

BRASIL. Ministerio da Educacao. Decreto nº 2.208, de 17 de abril de 1997. Regulamenta o § 2º do art.36 e os arts. 39 a 42 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educacao nacional. Diario Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasilia, DF, 17 abr. 1997. [ Links ]

BRASIL. Ministerio da Educacao. Secretaria da Educacao Media e Tecnologica. Educacao profissional: legislacao basica. Brasilia, RJ, 2001. Disponivel em: . Acesso em: 16 fev. 2006. [ Links ]

BRASIL. Tribunal de Contas da Uniao. Secretaria Geral de Controle Externo. Auditoria no Programa de Educacao Profissional: Acordao 480/2005. Plenario: relatorio final e anexos. Brasilia, DF, 2005b. [ Links ]

BRASIL. Tribunal de Contas da Uniao. Secretaria de Controle Externo do Estado do Parana. Relatorio de execucao de auditoria de natureza operacional:TC nº 015.672/2002-5: periodo de execucao: 24/05/2004 a 14/06/2004. Curitiba, 2005. [ Links ]

CONSELHO FEDERAL DE EDUCACAO (Brasil). Parecer nº. 45, de 12 de janeiro de 1971. A qualificacao para o trabalho no ensino de 2º grau. Brasilia, DF, 1972. [ Links ]

CONSELHO NACIONAL DE EDUCACAO (Brasil). Câmara de Educacao Basica. Parecer CNE/CEB nº 14, de 5 de maio de 2004. Autoriza as escolas agrotecnicas federais a ofertarem cursos superiores de tecnologia, em carater experimental. Portal SETEC, Brasilia, DF, 2006. Disponivel em: . Acesso em: 16 fev. 2006. [ Links ]

CONSELHO NACIONAL DE EDUCACAO (Brasil). Conselho Pleno. Parecer CNE/CP nº 29/2002, de 12 de dezembro de 2002. Trata das diretrizes Curriculares Nacionais no nivel Tecnologo. Diario Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasilia, DF, 13 dez. 2002. Disponivel em: . Acesso em: 16 fev. 2006. [ Links ]

GIL, A. C. Metodos e tecnicas de pesquisa social. 5. ed. Sao Paulo: Atlas, 1999. [ Links ]

GOMES, R. Analise de dados em pesquisa qualitativa. In: MINAYO, M. C. S. (Org.). Pesquisa social: teoria, metodo e criatividade. 14. ed. Petropolis: Vozes, 1999. [ Links ]

CURSOS tecnologicos lideram crescimento na graduacao. Informativo INEP, Brasilia, DF, 17 fev. 2004. Disponivel em: Acesso em: 16 fev. 2004. [ Links ]

HISTORIA da educacao no Brasil: periodo do Estado Novo (1937 a 1945). Rio de Janeiro, [1998?]. Disponivel em: Acesso em: 30 out. 2004. [ Links ]

KUENZER, A. Z. Ensino medio e profissional: as politicas do Estado neoliberal. Sao Paulo: Cortez, 1997. [ Links ]

LAUDARES, J. B.; TOMASI, A. O tecnico de escolaridade media no setor produtivo: seu novo lugar e suas competencias. Educacao & Sociedade, Campinas, v. 24, n. 85, 2003. [ Links ]Disponivel em: < http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-73302003000400007&lng=pt&nrm=iso >. Acesso em: 16 fev. 2006.

LINSINGEN, I. V.; BAZZO, W. A. Novos modelos de producao e a formacao do engenheiro: uma abordagem CTS. NEPET, Florianopolis, 2000. Disponivel em: Acesso em: 16 fev. 2006. [ Links ]

NOTICIAS SETEC. Brasilia, DF: MEC, Secretaria de Educacao Profissional e Tecnologica, n. 64, p. 11-17, out. 2004. Disponivel em: . Acesso em: 16 fev. 2006. [ Links ]

OLIVEIRA, S. L. Tratado de metodologia cientifica: projetos de pesquisas, TGI, TCC, monografias, dissertacoes e teses. Sao Paulo: Pioneira, 2001. [ Links ]

PETEROSSI, H. G. Educacao e mercado de trabalho: analise critica dos cursos superiores de tecnologia. Sao Paulo: Edicoes Loyola, 1980. [ Links ]

______. O tecnologo e o mercado de trabalho: acompanhamento dos alunos egressos da Fatec-SP. Sao Paulo: FAT, 1999. [ Links ]

ROMANO, C. A. O desafio de uma nova proposta para a graduacao na educacao profissional: o caso do CEFET-PR. 2000. 153 f. Dissertacao (Mestrado em Engenharia de Producao)-Programa de Pos-Graduacao em Engenharia de Producao, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianopolis, 2000. [ Links ]

TEIXEIRA, D. C. L. Cursos tecnologicos e a questao da empregabilidade. Revista Educacao e Trabalho, Maceio, n. 1, 2004. [ Links ]

VITORETTE, J. M. B. A implantacao dos cursos superiores de tecnologia no CEFET-PR. 2001. 133 f. Dissertacao (Mestrado em Tecnologia)-Programa de Pos-Graduacao em Tecnologia, Centro Federal de Educacao Tecnologica do Parana, Curitiba, 2001. [ Links ]

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e metodos. 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2001. [ Links ]


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2016 Revista Ensaio: Avaliação e Politicas Públicas em Educação

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

SCImago Journal & Country Rank