Estudo Exploratório Sobre Eficiência nas Escolas Municipais Paulistas: melhores práticas e desempenho no IDEB

Jonas Ferreira, Alexandre Pereira Salgado Junior, Juliana Chiaretti Novi, Irene Kazumi Miura, Débora Oliveira Diogo

Resumo


O objetivo foi identificar práticas pedagógicas e de gestão que possam ter contribuído para o desempenho dos alunos no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) nas escolas municipais paulistas do Ensino Fundamental. Em termos metodológicos, para se estudar a eficiência escolar, foram empregadas duas etapas. Na primeira, 1.298 escolas foram classificadas em eficientes ou ineficientes em relação aos dados utilizados na pesquisa, por meio da técnica da Análise Envoltória de Dados (DEA). Na segunda, foi realizada pesquisa de campo em dez dessas escolas. Assim, com base nos estudos de caso, na literatura e na análise de conteúdo, os resultados desta pesquisa mostram evidências de 23 práticas pedagógicas e de gestão que podem ter contribuído para o desempenho dos alunos no Ideb. Espera-se, que essas práticas possam contribuir para o planejamento escolar, visando organizar ações norteadoras que proporcionem melhorias e sentido prático para os profissionais da educação.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22347/2175-2753v9i25.1240



Direitos autorais 2017 Fundação Cesgranrio

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.