Avaliação Educacional: formas de uso na prática pedagógica

Sirley Leite Freitas, Michele Gomes Noé da Costa, Flavine Assis de Miranda

Resumo


Neste artigo discute-se o tema avaliação abordando seus tipos, formas e usos. Apresenta conceitos relacionados à avaliação diagnóstica, formativa e somativa, segundo os conceitos de autores como Bloom (1983) e Haydt (2008). Destaca a avaliação apresentando suas formas sob uma visão tradicional em que a avaliação é usada com finalidade ora classificatória, ora punitiva e como controle social. Também apresenta a avaliação sob uma visão mediadora da aprendizagem sendo essa um processo contínuo de ação-reflexão-ação em relação à prática pedagógica. Ao final se propõem superar essa visão classificatória e punitiva da avaliação, é vista como medida de valor para classificação do conhecimento e exclusão social.

Palavras-chave


Avaliação; Tipos; Formas;

Texto completo:

PDF

Referências


BELLONI, Isaura, MAGALHÃES, Heitor de, e SOUSA, Luzia Costa de. Metodologia de avaliação em políticas públicas: uma experiência em educação profissional. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2001.

BLOOM, Benjamim S. et. al. Manual de avaliação formativa e somativa do aprendizado escolar. São Paulo: Livraria Pioneira Editora, 1983.

CARMO, Josué Geraldo Botura do. Avaliação Classificatória X Avaliação Progressiva. Maio/2003. Disponível em http://www.educacaoliteratura.com/index%2098.htm. Acesso em 19 de maio de 2014.

CARMINATTI, Simone Soares Haas. e BORGES, Martha Kaschny. Perspectivas da avaliação da aprendizagem na contemporaneidade. Est. Aval. Educ. São Paulo, v. 23, n. 52, p. 160-178, maio/ago. 2012. Disponível em: http://www.fcc.org.br/pesquisa/publicacoes/eae/arquivos/1734/1734.pdf. Acesso em: 29 abr. 2014.

ESTEBAN, Maria Teresa. (org.). Avaliação: uma prática em busca de novos sentidos. 3. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.

HOFFMANN, Jussara, Avaliar para promover: as setas do caminho. Porto Alegre: Mediação, 2009.

LIBÂNEO, José Carlos. Didática. São Paulo: Cortez, 1994.

LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da aprendizagem escolar: estudos e proposições. 22. ed. São Paulo: Cortez, 2011.

______.O que é mesmo o ato da avaliar a aprendizagem. Pátio. Porto alegre: ARTMED. Ano 3, n. 12 fev./abr. 2000. Disponível em https://www.nescon.medicina.ufmg.br/biblioteca/imagem/2511.pdf. Acesso em 18 de maio de 2014.

MORETTO, Vasco Pedro. Prova: Um momento privilegiado de estudo, não um acerto de contas. 9° edição. Rio de Janeiro: Lamparina, 2010.

SOUZA, Ângelo Ricardo de. DITTRICH, Douglas Danilo. Avaliação na Escola, Avaliação da Escola: Análise de uma experiência escolar. Est. Aval. Educ. São Paulo, v. 23, n. 52, p. 26-46, maio/ago. 2012. Disponível em: http://www.fcc.org.br/pesquisa/publicacoes/eae/arquivos/1727/1727.pdf. Acesso em: 29 abr. 2014.

VASCONCELLOS, Celso dos Santos. Avaliação da aprendizagem: Práticas de mudança – por uma práxis transformadora. 13. ed. São Paulo: Libertad, 2013.




DOI: http://dx.doi.org/10.22347/2175-2753v6i16.217



Direitos autorais 2015 Fundação Cesgranrio

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.