Instituicoes de Ensino Superior a Distância: analise dos motivos de escolha

Vanessa Edy Dagnoni Mondini, Luis Cesar Mondini, Gustavo da Rosa Borges, Maria Jose Carvalho de Souza Domingues

Resumo


O objetivo deste estudo foi identificar os motivos que levam os alunos a escolherem determinada Instituicao de Ensino Superior (IES) na modalidade de Ensino à Distância (EAD). Para isto, aplicou-se um questionario baseado nos estudos de Mainardes e Domingues (2010) a uma amostra de 405 alunos, ingressantes no 1º semestre de 2014, em uma IES privada do interior do Brasil. Por meio de pesquisa exploratoria qualitativa e posteriormente uma analise fatorial exploratoria quantitativa, verificou-se a existencia de doze itens agrupados em tres dimensoes. Estas dimensoes foram batizadas de visibilidade, flexibilidade ao aluno e estrategias de marketing; sendo a segunda, a determinante para a escolha por uma IES. Quanto aos itens, a flexibilidade de horario, o valor da mensalidade e a aceitabilidade da instituicao pelo mercado foram os mais indicados pelos alunos como importantes para a escolha da IES.

Palavras-chave


Instituicao de Ensino Superior; Alunos; Motivos da Escolha

Texto completo:

PDF

Referências


ALSABAWY, A. Y.; CATER-STEEL, A.; SOAR, J. IT infrastructure services as a requirement for e-learning system success. Computers & Education, 69, 431-451, 2013.

ALA‰SSIO, Simone Cristina; DOMINGUES, Maria JosA© Carvalho de Souza; SCARPIN, Jorge Eduardo. Fatores determinantes na escolha por uma InstituiA§A£o de Ensino Superior do Sul do Brasil. VII SimpA³sio de ExcelAancia em GestA£o e Tecnologia, Rio de Janeiro, RJ, 2010.

ANDRADE, E.; MOITA, R.; SILVA, C. A escolha da faculdade pelo aluno: estimaA§A£o da demanda e precificaA§A£o dos atributos. Insper Working Paper, WPE: 182, 2009.

ARAUJO et al. A Escolha da Carreira de AdministraA§A£o e da InstituiA§A£o de Ensino Superior: Um Estudo Sobre As MotivaA§Aµes dos Alunos Na RegiA£o do Grande ABC. SeminA¡rios em AdministraA§A£o FEA/USP, SA£o Paulo, 2009.

CARVALHO, B. G.; BERBEL, M. C. Marketing educacional: como manter e conquistar mais alunos. Alabama, 2000.

CHANG, Kuo-Chien. How reputation creates loyalty in the restaurant sector. International Journal of Contemporary Hospitality Management, v. 25, n. 4, p. 536-557, 2013. 3.

CHENG, Yin Cheong; TAM, Wai Ming. Multi-models of quality in education. Quality assurance in Education, v. 5, n. 1, p. 22-31, 1997.

DURINI, W. B.; RIBEIRO, L. M. PercepA§Aµes no ensino superior a distA¢ncia: uma anA¡lise do curso de administraA§A£o em uma universidade virtual no RS. XIII Coloquio de GestiA³n Universitaria en AmA©ricas. Buenos Aires, Argentina, 2013.

GNECCO JAšNIOR, Lenio; RAMOS, Vanessa Livramento. O marketing a serviA§o da educaA§A£o-projeto conhecendo a UFSC: uma volta pelo campus sem sair de sala de aula. X ColA³quio Internacional sobre GestA£o UniversitA¡ria na AmA©rica do Sul. Mar Del Plata, 2010.

FASSNACHT, Martin; KA–SE, Ibrahim. Consequences of Webâ€based service quality: Uncovering a multiâ€faceted chain of effects. Journal of Interactive Marketing, v. 21, n. 3, p. 35-54, 2007.

FIGUEIREDO FILHO, Dalson Brito; SILVA JAšNIOR, JosA© Alexandre da. VisA£o alA©m do alcance: uma introduA§A£o A anA¡lise fatorial. OpiniA£o PAºblica, v. 16, n. 1, p. 160-185, 2010.

FISCHER, Eileen; REUBER, Rebecca. The good, the bad, and the unfamiliar: The challenges of reputation formation facing new firms. Entrepreneurship Theory and Practice, v. 31, n. 1, p. 53-75, 2007.

FIUZA, Patricia Jantsch; SARRIERA, Jorge CastellA¡. Reasons for student adhesion and permanence in distance high education. Psicologia: CiAancia e ProfissA£o, v. 33, n. 4, p. 884-901, 2013.

FOMBRUN, Charles; SHANLEY, Mark. What's in a name? Reputation building and corporate strategy. Academy of management Journal, v. 33, n. 2, p. 233-258, 1990.

ISLAM, A. K. M. Investigating e-learning system usage outcomes in the university context. Computers & Education, v. 69, p. 387-399, 2013.

JOO, Young Ju; LIM, Kyu Yon; KIM, Eun Kyung. Online university students' satisfaction and persistence: Examining perceived level of presence, usefulness and ease of use as predictors in a structural model. Computers & education, v. 57, n. 2, p. 1654-1664, 2011.

KIM, Jungjoo; KWON, Yangyi; CHO, Daeyeon. Investigating factors that influence social presence and learning outcomes in distance higher education. Computers & Education, v. 57, n. 2, p. 1512-1520, 2011.

KOTLER, P.; FOX, K. F. Marketing estratA©gico para instituiA§Aµes educacionais. SA£o Paulo: Atlas, 1994.

LEE, Eun Mi et al. Does perceived consumer fit matter in corporate social responsibility issues?. Journal of Business Research, v. 65, n. 11, p. 1558-1564, 2012.

MACHADO FILHO, C. P. Responsabilidade social e governanA§a: o debate e as implicaA§Aµes: responsabilidade social, instituiA§Aµes, governanA§a e reputaA§A£o. SA£o Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2006.

MAINARDES, E. W.; Domingues, M. J. C. AtraA§A£o de alunos para A graduaA§A£o em administraA§A£o em Joinville–SC: Estudo multicaso sobre os fatores relacionados Ao mercado de trabalho. Pesquisa-Desenvolvimento e GestA£o, v. 13, n. 1, 2010.

MARTINS, P.; FERREIRA, V. C. P.; COSTA, D. V. F. Fatores de influAancia na escolha de um curso de pA³s-graduaA§A£o: uma anA¡lise do MBA em gestA£o estratA©gica de pessoas da UFJF. Encontro Nacional dos Estudantes de GraduaA§A£o, FlorianA³polis, 2013.

MARZO-NAVARRO, M.; PEDRAJA-IGLESIAS, M.; RIVERA-TORRES, M. P. Measuring customer satisfaction in summer courses. Quality Assurance in Education, v. 13, n. 1, 53-65. 2005.

MATOS, S. S.; BAPTISTA, P. Grupos de ReferAancia como Fator de InfluAancia na Escolha de uma InstituiA§A£o de Ensino Superior. VIII SimpA³sio de ExcelAancia em GestA£o e Tecnologia, Rio de Janeiro, 2011.

MORAIS, R. S.; VIANA, M. D. L. F.; DE CAMARGO, R. A. A. CaracterizaA§A£o dos (as) estudantes de cursos de pA³s-graduaA§A£o (Lato sensu) na modalidade de educaA§A£o a distA¢ncia. Anais do SIED: EnPED-ISSN 2316-8722, v. 1, n. 1, 2012.

MULKI, J. P.; JARAMILLO, F. Ethical reputation and value received: Customer perceptions. International Journal of Bank Marketing, v. 29, n.5, 358-372, 2011.

OLIVEIRA, Sidney Lino; OLIVEIRA, Josmaria Lima Ribeiro; RAŠGO, Taciana Lopes. A acessibilidade como fator de escolha de uma instituiA§A£o de ensino superior. XXXIII Encontro Nacional de Engenharia de ProduA§A£o, Salvador-BA, 2013.

PALACIO, AsunciA³n Beerli; MENESES, Gonzalo DA­az; PA‰REZ, Pedro J. PA©rez. The configuration of the university image and its relationship with the satisfaction of students. Journal of Educational Administration, v. 40, n. 5, p. 486-505, 2002.

PEREIRA, R. F. O perfil socioeconA´mico dos alunos de um curso de ciAancias biolA³gicas a distA¢ncia: quem sA£o os novos alunos? X Congresso Brasileiro de Ensino Superior a DistA¢ncia, BelA©m/PA, 2013.

PETRUZZELLIS, Luca; ROMANAZZI, Salvatore. Educational value: how students choose university: Evidence from an Italian university. International Journal of Educational Management, v. 24, n. 2, p. 139-158, 2010.

RIEL, C. B. V. The management of corporate communication. Revealing the corporation, 161-70, 2003.

ROIG, Juan Carlos Fandos et al. Customer perceived value in banking services. International Journal of Bank Marketing, v. 24, n. 5, p. 266-283, 2006.

SILVA, A. P. et al. O marketing como fator de decisA£o na escolha de vestibulandos dos cursos de ciAancias contA¡beis e administraA§A£o: estudo de caso numa instituiA§A£o de ensino privado. In 18º Congresso Brasileiro de Contabilidade, 2008.

SILVA, FA¡tima; FERNANDES, Paula O. Factores chave que influenciam a satisfaA§A£o dos alunos de uma IES: estudo de caso da ESTiG. 2011.

SILVA KALIL, A‰rica Fernanda; GONA‡ALVES FILHO, Cid. Comportamento do Consumidor: AvaliaA§A£o de Alternativas e Busca de InformaA§A£o na Escolha de Cursos Superiores em CiAancia da ComputaA§A£o. Revista de CiAancias da AdministraA§A£o, v. 14, n. 34, 2012.

THOMAZ, JosA© Carlos; BRITO, Eliane Pereira Zamith. ReputaA§A£o corporativa: construtos formativos e implicaA§Aµes para a gestA£o. Revista de AdministraA§A£o ContemporA¢nea–RAC, v. 14, n. 2, p. 229-250, 2010.

VIANNEY, JoA£o. A ameaA§a de um modelo Aºnico para a EaD no Brasil. Colabor@-A Revista Digital da CVA-RICESU, v. 5, n. 17, 2009.

VIEIRA, Mirella et al. Perfil dos Vestibulandos e PercepA§A£o da Imagem das InstituiA§Aµes de Ensino Superior do ParanA¡. Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da ComunicaA§A£o, Curitiba, 2009.

WANG, Edward Shih-Tse; TSAI, Bi-Kun. Consumer response to retail performance of organic food retailers. British Food Journal, v. 116, n. 2, p. 212-227, 2014.




DOI: http://dx.doi.org/10.22347/2175-2753v6i16.212



Direitos autorais 2015 Fundação Cesgranrio

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

Principios Norteadores para o Avaliador

Guiding Principles for Evaluators American Evaluation Association (AEA)

Com o proposito de guiar o trabalho dos profissionais de avaliacao e assegurar a etica de sua atuacao, a American Evaluation Association (AEA) - Associacao Profissional de Avaliadores - estabeleceu cinco principios norteadores aqui resumidos:

1.  Indagacao Sistematica, no que se refere à capacidade de coletar dados utilizando tecnicas apropriadas e comunicando metodos e abordagens com a devida transparencia para permitir acesso e critica.

2.  Competencia, no que se refere a demonstrar atuacao competente perante os envolvidos no processo avaliativo e desenvolver continuamente sua capacidade para alcancar o mais alto nivel de desempenho possivel.

3.  Integridade/Honestidade, no que se refere a assegurar honestidade e integridade ao longo de todo o processo avaliativo, negociando com os envolvidos e interessados na avaliacao e buscando esclarecer e orientar procedimentos que venham provocar distorcoes ou indevidas utilizacoes.

4.  Respeito pelas pessoas, no que se refere ao respeito pela seguranca, dignidade e auto-valorizacao dos envolvidos no processo avaliativo, atuando sempre com etica profissional, evitando riscos e prejuizos que possam afetar os participantes para assegurar, o melhor possivel, o respeito às diferencas e o direito social de retorno dos resultados, aos envolvidos.

5.  Responsabilidade pelo bem estar geral e público, no que se refere a levar em consideracao a diversidade de interesses e valores que possam estar relacionados ao público em geral,buscando responder nao somente às expectativas mais imediatas, mas tambem às implicacoes e repercussoes mais amplas e, nesse sentido, disseminar a informacao sempre que necessario.

Indexado em:

  1. DOAJ- Directory of Open Access Journals

  2. Latindex -  Sistema regional de informacion en linea para revistas cientificas de America Latina, el Caribe, España y Portugal

  3. OEI - Organizacion de Estados Iberoamericanos (Madri, Espanha, CREDI)

  4. RCAAP - Repositorio Cientifico de Acesso Aberto de Portugal

  5. LivRe! - Portal do CNEN-Comissao Nacional de Energia Nuclear, do Ministerio de Ciencia, Tecnologia e Inovacao

  6. Qualis/CAPES - Coordenacao de Aperfeicoamento de Pessoal de Nivel Superior (Brasilia, DF)

  7. Scopus - A maior base de dados de abstracts e citacao de literatura revisada por pares:periodicos cientificos, livros e anais

  8. Google Scholar

 

 

Scimago

SJR : Scientific Journal Rankings

SCImago Journal & Country Rank