Transparência Pública: Análise Em Portais De Transparência Do Poder Executivo Municipal Do Brasil

Luan Lopes Cardoso, Elisete Dahmer Pfitscher, Fabricia Silva da Rosa, Thuine Lopes Cardoso, Camila Brehm da Costa

Resumo


Perante a necessidade de aperfeiçoamento da transparência pública avaliou-se a transparência da gestão pública em portais. Assim, detectou-se o seguinte problema: Como está a transparência ativa, divulgada por meio dos portais, dos maiores municípios brasileiros? Esta pesquisa possui como objetivo geral analisar o estado de transparência ativa, divulgada por meio dos portais, dos maiores municípios brasileiros. Quanto aos resultados, mensurou-se o desempenho dos municípios, que foi de 25,27 pontos. Os municípios com melhor status quo de transparência foram Porto Alegre – RS, Codó – MA e Balneário Camboriú – SC. Já os três municípios com os piores status quo foram: Sapucaia do Sul – RS, Camaragibe – PE e Barra Mansa – RJ. Foram identificas oportunidades de melhoria da transparência, como a adesão integral aos normativos de acesso à informação; a maior exploração das mídias sócias; a elaboração de mapas e manuais discriminando fatores relacionados à funcionalidade de seus portais. 


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22347/2175-2753v10i29.1583



Direitos autorais 2018 Fundação Cesgranrio

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.