Avaliação de Impacto Social da Comunidade Vida e Paz: um exercício de meta-avaliação

Cláudia do Rêgo Monteiro, Letícia Ester Cruz da Silva, Ligia Gomes Elliot

Resumo


O presente artigo relata a execução de uma meta-avaliação aplicada à Avaliação de Impacto de um projeto social da Comunidade Vida e Paz, que atende pessoas sem abrigo nas ruas de Lisboa, Portugal. A avaliação desse projeto social utilizou a metodologia Social Return on Investment (Retorno Social do Investimento) para medir o retorno ou impacto do investimento em programas sociais. Trata-se de uma metodologia que permite avaliar aspectos que embora possuam valor real, são difíceis de medir nos programas desenvolvidos e, por isso mesmo, não têm sido considerados. Já a meta-avaliação adotou, como metodologia, a aplicação das Diretrizes para Avaliação para a América Latina e o Caribe. A escolha foi consequência da inquietação típica de quem investiga e percebe que a aplicação do conhecimento traz respostas que podem enriquecer uma área de estudo, nesse caso, a da Avaliação. As Diretrizes foram então aplicadas na avaliação do projeto social realizada na Europa, em função da verificação de que poderiam ser utilizadas sem inadequação, a despeito de serem dirigidas a projetos ocorridos em outro continente. As evidências de suporte para os resultados da meta-avaliação contidas no Relatório da Avaliação de Impacto são detalhadas e as medidas que indicam o nível de atendimento às diretrizes das Dimensões de Avaliação Rigorosa e de Relevância e Utilidade são sumarizadas em tabelas. Ao final, o estudo traz recomendações relevantes para a credibilidade da avaliação que julgou o impacto social da Comunidade Vida e Paz

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22347/2175-2753v9i27.1578



Direitos autorais 2017 Fundação Cesgranrio

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.