Avaliação e os Determinantes da Eficiência do Ensino Fundamental nos Municípios Goianos: Uma Análise em Dois Estágios

Alex Felipe Rodrigues Lima, Sérgio Borges Fonseca Júnior, Guilherme Resende Oliveira

Resumo


O presente estudo tem dois objetivos principais, no primeiro estágio, verificar o nível de eficiência dos municípios goianos na provisão de educação básica, e em segundo estágio, determinar os condicionantes das eficiências. Em termos metodológicos, para o primeiro objetivo utilizou-se a técnica de análise envoltória de dados (DEA) e para o segundo, a análise de regressão beta inflacionada. Os resultados obtidos sugerem que menos de 8% dos municípios analisados têm máxima eficiência na educação básica. Ademais, as evidências empíricas mostram que os municípios com economia mais dependente da administração pública tendem a ter desempenho superior aos dependentes de agropecuária, indústria ou serviços. Além disso, no modelo de máxima eficiência, o nível socioeconômico das escolas e a transferência de renda pelo governo federal no programa bolsa família influenciaram positivamente na obtenção de máxima eficiência.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22347/2175-2753v8i24.1126



Direitos autorais 2016 Fundação Cesgranrio

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.