Pressupostos de uma avaliação de contexto existencial da violencia escolar para o planejamento de condutas motoras educacionais voltadas para pre-adolescentes de classes de progressao

Indinalva Nepomuceno Fajardo, Iris Lima e Silva, Fatima Cunha Ferreira Pinto, Heron Beresford

Resumo


As condutas violentas de criancas, de pre-adolescentes e de adolescentes, em situação de risco social, tem-se constituido em um fenômeno de natureza moral que vem se alastrando nos últimos anos no Brasil. Tal fato tem atingido diferentes instâncias da sociedade brasileira, dentre estas, muitas escolas, constituindo-se em um grande desafio e preocupação para a sociedade e, mais especificamente, para os responsaveis por estas instituicoes. Por este motivo vem sendo objeto de politicas públicas que, de alguma maneira, buscam apresentar alternativas estrategicas para a solução de um problema de tal magnitude. Sendo assim, este trabalho teve por objetivo apresentar uma reflexão acerca do assunto, apresentando uma avaliação de contexto existencial de violencia que pudesse contribuir com alguns pressupostos para o planejamento de condutas motoras educacionais voltadas para pre-adolescentes com atraso no desenvolvimento cognitivo e que, por isto mesmo, encontram-se matriculados em classes de progressao. Tal avaliação foi desenvolvida a partir de uma compreensao fenomenologica existencial dos entes pre-adolescentes de 9 a 12 anos de idade, matriculados na referida classe da Escola Municipal Dr. Mario Augusto T. de Freitas, localizada na Zona Norte do Rio de Janeiro, na qual o comportamento violento de alunos e uma manifestação corriqueira. Nesta compreensao estabeleceu-se uma correlação logica entre as causas e conseqüencias do referido problema, utilizando-se como suporte teorico o pensamento de Jose Ortega Y Gasset que manifesta a necessidade de se conhecer o Ser a partir de sua circunstância existencial, evidenciando-se que os entes em questao vivem em um contexto sociohistorico de circunstâncias adversas, as quais podem ser levadas em consideração como sendo, de certa forma, as causas da violencia na escola e em outros ambientes inerentes às suas vidas.

Palavras-chave


Avaliação; Escola; Classe de progressao; Fenomenologia existencial; Violencia

Referências


ALVES, R. So aprende quem tem fome. Nova Escola, Sao Paulo, ano 17, n. 152, p. 45. [ Links ]

BERESFORD, H. Valor: saiba o que e. Rio de Janeiro: SHAPE, 2000. [ Links ]

BRASIL. LDB: Lei de diretrizes e bases da educacao nacional: Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Sao Paulo: Saraiva, 1997 [ Links ]

CANDAU, V. M.; NASCIMENTO, M. G.; LUCINDA, M. C. Escola e violencia. Rio de Janeiro: DP&A , 2001. [ Links ]

CARVALHO, N. Violencia na sala de aula: nova disciplina para os professores. O Globo, Rio de Janeiro, out. 1992. [ Links ]

DEMO, Pedro. A nova LDB: rancos e avancos. Sao Paulo: Papirus, 2003. [ Links ]

DORON, R.; PAROT, F. (Org.). Dicionario de psicologia. Sao Paulo: Atica, 2001. [ Links ]

REALE, G. Historia da filosofia. Sao Paulo: Paulus, 1991. v. 3 [ Links ]

JOSE, E. A.; COELHO, T.M. Problemas de aprendizagem. Sao Paulo: Atica, 2002. [ Links ]

JUNG, C. G. O desenvolvimento da personalidade. Petropolis: Vozes, 1999. [ Links ]

LIMA, E. S. Desenvolvimento e aprendizagem na escola: aspectos culturais, neurologicos e psicologicos. Sao Paulo: GEDH, 1997. [ Links ]

LIMA, P. L. Pratica de psicologia moderna. Sao Paulo: Honor Editorial, 1970. v. 1-3. [ Links ]

LOCONTE, W. (Coord.). Violencia urbana. Sao Paulo: Atual, 1999. [ Links ]

MACHADO, D. V. Nao e facil ser um pre-adolescente! Nova Escola, Sao Paulo, ano 2, n. 11, p.16-18, abr. 1987. [ Links ]

MELILLO, A.; OJEDA, E. N. S. Resiliencia: descobrindo as proprias forcas. Porto Alegre: Artmed, 2005. [ Links ]

MODESTO, R. M. B. F. D. Comunicacao pessoal. Rio de Janeiro, 28 jul. 2005. [ Links ]

NOGUEIRA, N. Agressividade: combater ou nao? Como lidar com a crianca agressiva. Nova Escola, Sao Paulo, ano 1, n. 4, p. 24-27, jun. 1986. [ Links ]

ORTEGA Y GASSET, J. Obras completas. Madrid: Revista de Occidente, 1947. v. 4, 5, 7. [ Links ]

PAPALIA, D. E.; OLDS, S. W. Desenvolvimento humano. Porto Alegre: Artmed, 2000. [ Links ]

PERRENOUD, P. Novas competencias para ensinar. Porto Alegre: Artes Medicas, 2000. [ Links ]

REDL, F.; WINEMAN, D. A crianca agressiva. Sao Paulo: Martins Fontes, 1985. [ Links ]

RIO DE JANEIRO (RJ). Secretaria Municipal de Educacao. Portaria nº 14 E/DGED, jan. de 2001. Diario Oficial, Rio de Janeiro, p. 11, 5 maio 1991. [ Links ]

______. Secretaria Municipal de Educacao. Portaria n° 21 E/DGED, de 19 de novembro de 2003. Diario Oficial, Rio de Janeiro, 19 nov. 2003. [ Links ]

______ . Secretaria Municipal de Educacao. Portugues: ensinar pra valer!: classe de progressao. Rio de Janeiro, 2002. [ Links ]

ROCHA, P. P. Fome e violencia. O Globo, Rio de Janeiro, 7 jun. 1994. Cartas dos Leitores. [ Links ]

RODRIGUES, A. Psicologia social. Petropolis: Artes Medicas, 1992. [ Links ]

SEARS, F. Psicologia social. Sao Paulo: Cultrix, 1970. [ Links ]

ZALUAR, A. Violencia e educacao. Sao Paulo: Cortez, 1992. [ Links ]


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2016 Revista Ensaio: Avaliação e Politicas Públicas em Educação

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.