Politicas públicas: altas habilidades/superdotação e a literatura especializada no contexto da educação especial/inclusiva

Haydea Maria Marino de Sant'Anna Reis, Marsyl Bulkool Mettrau

Resumo


Neste artigo buscou-se analisar aspectos das politicas públicas voltadas para o atendimento dos individuos com altas habilidades/superdotação no pais, no contexto da educação especial/inclusiva, tracando um paralelo com a literatura especializada. Inicialmente foi apresentada uma revisao bibliografica acerca do conceito de altas habilidades/superdotação bem como dos conceitos de talento, precocidade e genialidade. os processos de sondagem, identificação, programas de enriquecimento, e as possibilidades/alternativas de atendimento no modelo brasileiro, estabelecem estreita relação teorico-metodologica, com base em analise de documentos legais, diretrizes e programas de capacitação, formadores do substrato para a proposta de inclusao social no contexto educacional brasileiro.

Palavras-chave


Politicas públicas; Educação especial; Altas habilidades/superdotação; Educação inclusiva

Referências


BRASIL. Lei nº 5.692, de 11 de agosto de 1971. Fixa diretrizes e bases para o ensino de 1º e 2º graus, e da outras providencias. Diario Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasilia, DF, 12 ago. 1971. [ Links ]

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educacao nacional. Diario Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasilia, DF, 23 dez. 1996. [ Links ]

BRASIL. Ministerio da Educacao. Secretaria de Educacao Especial. Adaptacoes curriculares em acao: desenvolvendo competencias para o atendimento às necessidades educacionais de alunos com altas habilidades/superdotacao. Brasilia, DF, 2002. [ Links ]

BRASIL. Ministerio da Educacao. Secretaria de Educacao Especial. Diretrizes nacionais para a educacao especial na educacao basica. Brasilia, DF, 2001. [ Links ]

BRASIL. Ministerio da Educacao. Secretaria de Educacao Especial. Programa de capacitacao de recursos humanos do ensino fundamental: superdotacao e talento. Brasilia, DF, 1999. 2 v. (Serie Atualidades Pedagogicas; 7). [ Links ]

BRASIL. Ministerio da Educacao e do Desporto. Secretaria de Educacao Especial. Subsidios para organizacao e funcionamento de servicos de educacao especial: area de altas habilidades. Brasilia, DF, 1995. (Serie Diretrizes). [ Links ]

CONGRESSO ANUAL DA ANEIS, 3., 2002, Braga. Actas... Braga, PT: Associacao Nacional para o Estudo e a Intervencao na Sobredotacao, 2002. v. 3. [ Links ]

CONSELHO NACIONAL DE EDUCACAO (Brasil). Comissao de Educacao Basica. Parecer nº 17, de 3 de julho de 2001. Diretrizes nacionais para a educacao especial na educacao basica. Diario Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasilia, DF, 17 ago. 2001a. Secao 1, p. 46. [ Links ]

CONSELHO NACIONAL DE EDUCACAO (Brasil). Comissao de Educacao Basica. Resolucao nº 2, de 11 de setembro de 2001. Institui Diretrizes Nacionais para a Educacao Especial na Educacao Basica. Diario Oficial [da] República Federativa do Brasil, Brasilia, DF, 14 set. 2001b. Secao 1E, p. 39-40. [ Links ]

GOMES, M. Prodigio: em vez de alegria, um problema para seus pais. Extra, Rio de Janeiro, ano 8, n. 2873, p. 3, 16 nov. 2005. [ Links ]

KIRSCHENBAUM, R. J. Let's cut out the cut-off score in the identification of the gifted. Roeper Review: a journal on Gifted Education, Bloomfield Hills, Mich., n. 5, p. 6-10, 1983. [ Links ]

KIRSCHENBAUM, R. J.; SIEGLE, D. Predicting creative performance in an enrichment program. In: ANNUAL CONFERENCE, 6., 1993, Portland. Paper presented ... Portland, OR: Association for the Education of Gifted Underachieving Students, 1993. [ Links ]

LANDAU, E. A coragem de ser superdotado. Trad. Sandra Miessa. Sao Paulo: CERED, 1990. [ Links ]

METTRAU, M. B. (Org.). Inteligencia: patrimônio social. Rio de Janeiro: Dunya, 2000. [ Links ]

PAIVA, M. C. A.; HINOJOSA, R. M. G. Trabalho realizado com os alunos portadores de altas habilidades em escolas do Rio de Janeiro. In: SEMINARIO NACIONAL INTELIGENCIA PATRIMÔNIO SOCIAL, 11., 1996, Rio de Janeiro. Coletânea... Rio de Janeiro: Associacao Brasileira para Superdotados: Universidade do Estado do Rio de Janeiro, 1997. [ Links ]

RANGEL, M. Inteligencia e pobreza: uma discussao em varios planos. In: METTRAU, M. B. (Org.). Inteligencia: patrimônio social. Rio de Janeiro: Dunya, 2000. [ Links ]

REIS, H. M. M. S. Educacao inclusiva e para todos?: a (falta de) formacao docente para altas habilidades/superdotacao no Brasil. 2006. 268 f. Tese (Doutorado em Educacao)–Faculdade de Educacao, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2006. [ Links ]

REIS, S. M. An analysis of the productivity of gifted students participating in programs using the revolving door identification model. 1981. Dissertation (PhD)-University of Connecticut, Storrs, CT, 1981. [ Links ]

REIS, S. M.; BURNS, D.; RENZULLI, J. S. Curriculum compacting: the complete guide to modifying the regular curriculum for high ability students. Mansfield Center, CT: Creative Learning Press, 1992. [ Links ]

RENZULLI, J. S. The enrichment triad model: A guide for developing defensible programs for the gifted and talented. Mansfield Center, CT: Creative Learning Press, 1977. [ Links ]

RENZULLI, J. S. What makes giftedness? Re-examining a definition. Phi Delta Kappan, Bloomington, Ind., v. 60, n. 3, p. 180-184, 261, Nov. 1978. [ Links ]

RENZULLI, J. S. (Ed.). Technical report of research studies related to the enrichment triad/revolving door model. 3. ed. Storrs, CT: University of Connecticut, 1988. Teaching The Talented Program. [ Links ]

RENZULLI, J. S.; FLEITH, D. O modelo de enriquecimento escolar. In: CONGRESSO ANUAL DA ANEIS, 3., 2002, Braga. Actas... Braga, PT: Associacao Nacional para o Estudo e a Intervencao na Sobredotacao, 2002. v. 3. [ Links ]

RENZULLI, J. S.; SMITH. L. H.; REIS, S. M. Curriculum compacting: an essential strategy for working with gifted students. Elementary School Journal, Chicago, v. 82, n. 3, p. 185-194, Jan. 1982. Special Issue: Gifted Education. [ Links ]

SEMINARIO NACIONAL INTELIGENCIA PATRIMÔNIO SOCIAL, 11., 1997, Rio de Janeiro. Coletânea... Rio de Janeiro: Associacao Brasileira para Superdotados: Universidade do Estado do Rio de Janeiro, 1997. [ Links ]

STERNBERG, G. J. People's conceptions of intelligence. Journal of Personality and Social Psychology, Washington, DC, v. 41, n. 1, p. 37-55, 1981. [ Links ]

VAN BOXTEL, H. W.; MÖNKS, F. J. General, social, and academic self-concepts of gifted adolescents. Journal of Youth and Adolescence, Netherlands, v. 21, p. 169-186, 1992. [ Links ]


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2016 Revista Ensaio: Avaliação e Politicas Públicas em Educação

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.